qui, 18 de janeiro de 2018, 1:21 pm
A crise de AUTORIDADE do atual governo de Jundiaí

A crise de AUTORIDADE do atual governo de Jundiaí

O atual governo de Jundiaí vive a chamada crise de autoridade desde a sua posse até os dias atuais. O atual prefeito parece ter abdicado do seu papel e tem sido muito comum ver o “Chefe do Executivo” cumprir um papel coadjuvante nas decisões.

Foi assim no aumento das tarifas de ônibus na cidade quando o prefeito declarou em dezembro que as noticias que tratavam de aumento eram somente boatos e negou veementemente que haveria aumento. O Jundiaí Agora (JA)  publicou que a tarifa poderia chegar a R$ 4,50. O prefeito usou outro jornal para dizer que a informação era “boato”. Dias depois ocorreu o anúncio do aumento da tarifa, R$ 0,10 a menos do que o JA divulgara…

O mais impressionante neste caso foi o fato do prefeito ter sido desmentido pelos secretários de Finanças e Transportes em entrevista, durante afastamento do Paço no final do ano passado. Após seu retorno, o prefeito não deu qualquer declaração explicando o ocorrido.

É preciso lembrar também o recuo do prefeito no caso do aumento de 25% do IPTU. No mesmo dia em que afirmara veementemente que preferia o chamado “suicídio político” ao invés de comprometer as finanças da Prefeitura, ele voltou atrás e retirou da Câmara o projeto do aumento do imposto.

Provavelmente quando fez a declaração bombástica que não retiraria o projeto estava seguindo “orientações” de alguém forte do governo que fragiliza a autoridade do prefeito, porém não suportou a pressão dos vereadores que tinham contra eles a opinião pública através das redes sociais.

OUTROS ARTIGOS DO EX-PREFEITO PEDRO BIGARDI

É HORA DE SALVAR O GRENDACC

O DISCURSO DE UM ANO: A CULPA É MINHA, É DA ADMINISTRAÇÃO ANTERIOR…

O QUE ME MOVE

A CIDADE É A NOSSA CASA E NÃO PODE FICAR ABANDONADA

O PLANO DIRETOR: O BOM DEBATE E OS RISCOS

Também é estranho que o prefeito tenha se sujeitado ao abandono na conservação da cidade durante quase todo o ano, sujeitando a população a problemas de saúde pública, falta de visibilidade nas vias, riscos com segurança. É o tipo de economia que não cabe ao Poder Público pois a conservação da cidade é um serviço básico e corriqueiro. Assistir a esta situação sem cobrar soluções no presente caso demonstrou uma falta de interesse em cuidar da cidade.

São inúmeros os exemplos de decisões que parecem distantes do prefeito, como a redução dos itens e da qualidade do kit do material escolar, do uniforme escolar, da ausência de Jundiaí nos Jogos Regionais, o fim da Feira da Amizade, dentre outros assuntos.

Ainda que a estratégia política fosse utilizar a mentira, contada uma centena de vezes, que tinham assumido uma cidade quebrada financeiramente, o prefeito jamais poderia “abrir mão” de sua autoridade, principalmente deixando que o marketing político ou pessoas que não foram eleitas decidam os rumos da cidade. (foto acima: sergio de amo)


PEDRO BIGARDI
É jundiaiense, 57 anos, engenheiro civil, casado com Margarete e pai de Patricia, deputado estadual (2009 – 2012) e ex-prefeito de Jundiaí (2013 – 2016).

Comente!

Deixe uma resposta

  • Termos e condições para publicação de comentários de leitores

    O presente termo tem como objetivo informar as condições para a publicação de comentários em murais e matérias jornalísticas no site Jundiaí Agora, na forma que se passa a expor:

    É vetada a publicação de comentários que:

    • sejam falsos ou infundados;
    • invadam a privacidade de terceiros ou manifestamente os prejudique;
    • promovam racismo contra grupos de minorias ou qualquer forma de fanatismo político ou religioso, discriminando grupos de pessoas ou etnias;
    • violem direitos de terceiros, tais como direitos de propriedade intelectual;
    • tenham conotação publicitária, promocional ou de propaganda, ou, ainda, que demonstrem preferência por alguma empresa ou marca(banners publicitários, vendas on-line, etc);
    • promovam discriminação de qualquer natureza;
    • incitem à violência;
    • explorem medo ou superstição;
    • se aproveitem da deficiência de julgamento e inexperiência das crianças;
    • desrespeitem valores ambientais;
    • apresentem linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica;
    • promovam “correntes” ou “pirâmides” de qualquer espécie;
    • violem a legislação pátria.
    • calúnia, difamação, injúria, ofensa, perturbação da tranquilidade alheia, perseguição, ameaça ou violação de direitos de terceiros;
    • propaganda política para candidatos(partidos ou coligações) e propaganda de seus órgãos ou representantes;
    • páginas e arquivos criptografados/ protegidos por senhas;
    • programas/arquivos que contenham vírus ou qualquer outro código que ponha em risco arquivos;
    • programas ou componentes de computador de usuários que venham a acessar a página do Jundiaí Agora;
    • Todo tipo de pirataria, inclusive de software;
    • O usuário não poderá utilizar-se dos serviços do site desviando a finalidade dele para cometer qualquer atividade ilícita.

    A Rapha.com reserva-se o direito de despublicar (retirar do site) os comentários que não atendam aos padrões sociais, culturais e éticos que regem a matéria.

    Fica estabelecido que o autor do comentário é inteiramente responsável pelo conteúdo nessa havido, quer perante a Rapha.com, quer perante terceiros.

    As opiniões expostas nos comentários não representam as opiniões da Rapha.com/Jundiaí Agora.

    A Rapha.com não se responsabiliza por qualquer dano advindo dos comentários publicados.
    Os usuários do site Jundiaí Agora concordam com as regras contidas neste termo, e desde já autorizam a sua publicação, inclusive nas redes sociais, estando cientes, ainda, que os comentários poderão ser indexados em buscadores nacionais e internacionais, assim como os conteúdos a que estão vinculados.

    Comente!
  • Termos e condições para publicação de comentários de leitores

    O presente termo tem como objetivo informar as condições para a publicação de comentários em murais e matérias jornalísticas no site Jundiaí Agora, na forma que se passa a expor:

    É vetada a publicação de comentários que:

    • sejam falsos ou infundados;
    • invadam a privacidade de terceiros ou manifestamente os prejudique;
    • promovam racismo contra grupos de minorias ou qualquer forma de fanatismo político ou religioso, discriminando grupos de pessoas ou etnias;
    • violem direitos de terceiros, tais como direitos de propriedade intelectual;
    • tenham conotação publicitária, promocional ou de propaganda, ou, ainda, que demonstrem preferência por alguma empresa ou marca(banners publicitários, vendas on-line, etc);
    • promovam discriminação de qualquer natureza;
    • incitem à violência;
    • explorem medo ou superstição;
    • se aproveitem da deficiência de julgamento e inexperiência das crianças;
    • desrespeitem valores ambientais;
    • apresentem linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica;
    • promovam “correntes” ou “pirâmides” de qualquer espécie;
    • violem a legislação pátria.
    • calúnia, difamação, injúria, ofensa, perturbação da tranquilidade alheia, perseguição, ameaça ou violação de direitos de terceiros;
    • propaganda política para candidatos(partidos ou coligações) e propaganda de seus órgãos ou representantes;
    • páginas e arquivos criptografados/ protegidos por senhas;
    • programas/arquivos que contenham vírus ou qualquer outro código que ponha em risco arquivos;
    • programas ou componentes de computador de usuários que venham a acessar a página do Jundiaí Agora;
    • Todo tipo de pirataria, inclusive de software;
    • O usuário não poderá utilizar-se dos serviços do site desviando a finalidade dele para cometer qualquer atividade ilícita.

    A Rapha.com reserva-se o direito de despublicar (retirar do site) os comentários que não atendam aos padrões sociais, culturais e éticos que regem a matéria.

    Fica estabelecido que o autor do comentário é inteiramente responsável pelo conteúdo nessa havido, quer perante a Rapha.com, quer perante terceiros.

    As opiniões expostas nos comentários não representam as opiniões da Rapha.com/Jundiaí Agora.

    A Rapha.com não se responsabiliza por qualquer dano advindo dos comentários publicados.
    Os usuários do site Jundiaí Agora concordam com as regras contidas neste termo, e desde já autorizam a sua publicação, inclusive nas redes sociais, estando cientes, ainda, que os comentários poderão ser indexados em buscadores nacionais e internacionais, assim como os conteúdos a que estão vinculados.

    Comente!